Notícia

Projeto de horta urbana é levado à secretária de Desenvolvimento Urbano

Em reunião na Secretaria, vereador Rafael de Angeli discutiu a viabilidade da utilização de terrenos

Entusiasta das hortas urbanas, o vereador Rafael de Angeli (PSDB) tem buscado a viabilização do projeto em terrenos do município desde fevereiro do ano passado. O parlamentar tem levado a ideia a diversas secretarias e coordenadorias, e na tarde da quarta-feira (25) foi a vez da secretária de Desenvolvimento Urbano, Luciana Gonçalves.

O principal local pensado faz fundo com o Centro de Educação e Recreação (CER) “Profª Amélia Fávero Manini” e com o Orfanato Renascer, no Jardim Água Branca, onde o vereador realizou diversas visitas. O lixo e o mato alto foram algumas das reclamações dos dirigentes de ambas as instituições, já que tal situação propicia a proliferação de animais, como escorpiões e aranhas, trazendo riscos, principalmente, às crianças.


“Precisamos saber se já há algum projeto do Executivo para o terreno, pois uma associação de moradores, que conta com 11 bairros integrados, já demonstrou interesse pela horta no local”, afirmou Angeli, lembrando, ainda, uma solicitação de um morador do Jardim Ieda para a implantação do projeto em outro terreno.


Segundo a secretária, será feito um levantamento no cadastro para saber se as áreas são do município, e se as hortas são possíveis nos locais. “São 133 imóveis na cidade, precisamos analisar individualmente antes de liberarmos os terrenos para tal fim”, explicou.

   2020 © Rafael de Angeli. Todos os direitos reservados.

  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter