Notícia

Vereador sugere criação de terminal aeroportuário


Transformar o aeroporto estadual "Bartholomeu de Gusmão" em um terminal aeroportuário foi a sugestão do vereador Rafael de Angeli (PSDB) ao Executivo na 19ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal, ocorrida na terça-feira (23). “A ideia do projeto surgiu em 2013 e contou com um grande apoio do governador Geraldo Alckmin (PSDB)”, conta o parlamentar. “Nosso aeroporto tem capacidade para receber grandes aeronaves, além de estarmos em uma região privilegiada logisticamente. Contamos com ótimos modais para a distribuição de diversos produtos.


Além disso, Araraquara vem se mostrando muito receptiva a cursos relacionados com logística e administração. Prova disso são a persistência da grande demanda por esses cursos e as premiações recebidas na área de logística ministrados pelo Senac”, acrescenta. As cargas aeroportuárias chegariam até Araraquara por meio de voos capacitados para o transporte. Aproveitando a localização central da cidade no Estado, a distribuição restante seria feita através das nossas rodovias. “Estamos em uma das regiões mais produtivas do Brasil, com fácil acesso às principais rodovias, a Campinas, São Paulo, São José do Rio Preto e Ribeirão Preto, por exemplo”, observa.


“O projeto tem tudo para expandir nossa cidade nos próximos anos e já foi amplamente discutido pela sociedade civil, que se mostrou receptiva à ideia”. Angeli lembrou que uma pequena expansão da pista de pouso do aeroporto seria necessária para colocar o projeto em prática, visto que atualmente ele não recebe voos com este objetivo. Ele também informou que já foram investidos R$ 11,3 milhões na infraestrutura e mais R$ 2,4 milhões na cobertura da entrada do terminal de embarque, já depois da paralisação das atividades.


O aeroporto foi inaugurado como Campo de Aviação Municipal em 20 de maio de 1935, pelo então prefeito Engenheiro Heitor de Souza Pinheiro. Reinaugurado no final de 2013, acabou funcionando por apenas um ano com voos comerciais. O último, da empresa Azul, ocorreu no dia 19 de dezembro de 2014.


“Desde então, o prédio do terminal se tornou um ‘elefante branco’, completamente sem uso. Foi um grande investimento e temos uma ótima estrutura. É preciso que o município pense em formas de revitalizar esse espaço”, conclui o vereador.

   2020 © Rafael de Angeli. Todos os direitos reservados.

  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter