Notícia

Janeiro Branco agora faz parte do Calendário de Eventos do Município

Projeto de autoria do vereador Rafael de Angeli busca conscientizar sobre a saúde e as doenças mentais


No início do ano, o vereador Rafael de Angeli (PSDB) percorreu os órgãos de atenção à saúde mental da cidade para se aprofundar nos serviços e demandas do setor. As visitas motivaram a proposição de um Projeto de Lei incluindo o “Janeiro Branco” no Calendário Oficial de Eventos do Município. Aprovada durante a 104ª Sessão Ordinária, no dia 16 de abril, a lei foi sancionada na tarde de quinta-feira (2), em solenidade realizada na Prefeitura.

O parlamentar destacou a importância de abordar o tema. “Precisamos de conscientização para acabar com o preconceito. É possível cuidarmos da saúde mental com qualidade”, declarou Angeli, que já havia se reunido com a secretária da Saúde, Eliana Honain, para apresentar as principais demandas da área no município. Para o prefeito Edinho Silva (PT), a doença mental provoca danos à pessoa e à família também, mas não há doença pior que o preconceito e a discriminação. “Essa campanha levanta uma bandeira para derrotar o preconceito. Doença mental é uma realidade, e as pessoas não escolheram ter. Essa conscientização ajuda na criação de políticas públicas para tratar do tema”, entende.  


Sobre a campanha


O “Janeiro Branco” é uma campanha nacional que pretende mobilizar a sociedade em favor da saúde mental, mudando a compreensão cercada de tabus e promovendo mais possibilidades de saúde mental a todos os indivíduos e à sociedade como um todo. Durante o mês de janeiro, serão realizadas ações educativas para difundir o conceito ampliado de Saúde Mental no município de Araraquara. Os recursos necessários para atender as despesas com a execução da lei serão obtidos mediante parcerias com empresas de iniciativa privada ou governamental, sem acarretar ônus para o município. Angeli explica que o mês de janeiro foi escolhido devido ao fato de que, em geral, no início do ano as pessoas estão predispostas a pensarem e repensarem sobre suas vidas em diversos aspectos, o que convida à busca de planejamentos e mudanças. “A cor branca foi escolhida pelo fato de ser a junção de todas as cores, remetendo à ideia de que o indivíduo, para ter Saúde Mental, precisa estar em harmonia em todas as áreas de sua vida”, finaliza o vereador.

   2020 © Rafael de Angeli. Todos os direitos reservados.

  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter