Notícia

Vereador pede informações sobre recurso da iluminação pública

Dinheiro da Cip só pode ser investido na implantação, substituição e modernização da iluminação de praças e vias públicas

A iluminação pública na cidade de Araraquara tem uma fonte de recursos, onde todos os valores arrecadados não podem ser direcionados a outras atividades públicas. A Contribuição para o Custeio do Serviço de Iluminação Pública (CIP), ainda que tenha o sabor amargo de ser mais um dos impostos pagos pela população, garante a manutenção e a renovação da iluminação pública na cidade, em praças e vias públicas.


Acompanhar a aplicação deste recurso é o papel de fiscalização que o vereador Rafael de Angeli (PSDB) exerce com o pedido de informações que apresentou na Sessão Ordinária de terça-feira (12), na Câmara Municipal de Araraquara. O parlamentar pede à Prefeitura o envio de relatórios com todas as movimentações na conta corrente da CIP, cópia do demonstrativo e das notas fiscais das despesas pagas, valores arrecadados, de 1º de janeiro do ano passado até dia 11 de junho deste ano, e outras informações. Pede, ainda, informações dos valores gastos que tiveram as despesas empenhadas e liquidadas com o saldo da CIP no mesmo período.


“Pagamos muito caro por nossa iluminação, incluindo a CIP. É dever do vereador fiscalizar o Executivo para saber se os recursos estão sendo bem aplicados e também se a população está tendo o retorno de seus impostos. Entendemos que, desta forma, estamos cumprindo o nosso papel”, destacou Angeli.

   2020 © Rafael de Angeli. Todos os direitos reservados.

  • Instagram
  • Facebook