top of page

Notícia

Educação aponta serviços realizados em telhado que desabou no CER do Parque Infantil

Vereador Rafael de Angeli pediu informações sobre situação que ocorreu em unidade recém-reformada.


No mês de fevereiro, foi concluída a reforma do Centro de Educação e Recreação "Leonor Mendes de Barros", o CER Parque Infantil. No entanto, o telhado da unidade desabou poucos dias após a finalização das obras, pois não havia sido trocado, conforme constatado pelo primeiro secretário da Câmara Municipal de Araraquara, vereador Rafael de Angeli (PSDB). Buscando entender os motivos da ocorrência, o parlamentar enviou um requerimento à Prefeitura, cobrando um laudo estrutural que mostrasse a atual situação de todo o telhado da unidade.


Além disso, Angeli também indagou se foi realizada alguma melhoria em relação às calhas e condutores do telhado e cobrou respostas documentadas. No documento, o vereador destacou ainda que a obra foi uma conquista do Orçamento Participativo (OP) de 2017, com investimentos de mais de R$ 1 milhão e prazo para execução de 230 dias, iniciado em fevereiro de 2019.


Em resposta, a secretária municipal de Educação, Clélia Mara dos Santos, informou que solicitou laudo técnico à Secretária de Obras e Serviços Públicos, conforme documentos anexados.


Ela detalhou que foram realizados os seguintes procedimentos de melhorias: troca de calhas platibandas existentes no local, reposicionamento de calhas água furtada, serviço de aumento de vazão das calhas platibandas, instalação da caixa de inspeção para diminuir fluxo de água nas calhas águas furtadas, reparo na capa do telhado, troca de telhas quebradas e reparo em ripa podre.

De olho


Angeli ressaltou que, em 10 de fevereiro deste ano, quando as obras foram encerradas, fez uma visita de fiscalização ao local, na qual apontou alguns aspectos que ainda precisavam de atenção, "como ausência de linha telefônica, ventiladores insuficientes, folhas nas calhas e claros sinais de infiltração no teto".


Em 14 de fevereiro, o teto do CER desabou pouco antes de as crianças entrarem na escola, acarretando no imediato cancelamento das aulas e, logo após o ocorrido, foi protocolado pelo vereador o Requerimento nº 277/2022, "questionando a razão de não terem sido tomadas medidas preventivas, tendo em vista que o problema já havia sido relatado oficialmente por meio do Requerimento nº 164/2022".


"Continuaremos fiscalizando a unidade, pois já estamos no período de chuvas novamente e esperamos e queremos que nada de grave aconteça", finaliza Angeli.


9/12/22

1 comentário

1 Comment


Cris Rossi
Cris Rossi
Dec 16, 2022

Parabéns vereador Rafael por estar sempre nós informando!

Like
bottom of page