Notícia

Eleita prioridade do OP, ponte entre Maria Luiza III e Aclimação ainda não foi iniciada

Vereador Rafael de Angeli cobra para que haja agilidade no processo de entrega da ponte aos moradores da região.


Na Plenária da Região 2 do Orçamento Participativo (OP), realizada no Centro de Educação e Recreação (CER) "Honorina Comelli Lia", no Jardim Imperador, em 2018, a proposta escolhida pela população foi a construção de uma ponte para ligação dos bairros Jardim Maria Luiza III e Jardim Aclimação, no final da Avenida Professor Lysanias de Oliveira Campos.


Na ocasião, a Prefeitura informou que o Maria Luiza III é um bairro praticamente isolado, com dois acessos apenas pela Avenida Manoel de Abreu, pelas Rotas 80 e 81 e que a obra entraria no Orçamento de 2019 para ser executada, lembrou o primeiro secretário da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Araraquara, vereador Rafael de Angeli (PSDB), no Requerimento nº 219/2022, encaminhado à Prefeitura no início de março.


No documento, o parlamentar pedia informações sobre a obra, questionando o motivo pelo qual ela não foi iniciada e se existe uma data disponível para o início da construção da ponte.


Em resposta, a secretária municipal de Desenvolvimento Urbano, Sálua Poleto, informou que a pasta, por meio da Coordenadoria Executiva de Mobilidade Urbana, elaborou o projeto da ponte ligando os bairros. "O projeto está em fase de orçamento pela empresa que executará as obras da ponte como contrapartida do empreendimento em fase final de aprovação na região."


De acordo com a secretária, o início das obras se dará após a finalização da aprovação do empreendimento e respectivo registro da incorporação em cartório.


Angeli verbaliza a indignação da população.


"Desde 2018 esperando uma obra que foi eleita como prioridade pela população e temos essa resposta da Prefeitura. Fizeram publicidade quando a obra foi escolhida pela comunidade. Mas agora, anos depois, ninguém divulga que sequer ela foi iniciada. Vamos cobrar para que haja agilidade no processo de entrega da ponte aos moradores da região", explica e finaliza o vereador.


28/4/22