Notícia

Vereador fiscaliza Unidade de Saúde da Família no Roxo

Em visita à USF do bairro, Rafael de Angeli se deparou com diversos problemas estruturais

Na tarde de quarta-feira (10), o vereador Rafael de Angeli (PSDB) esteve na Unidade de Saúde da Família (USF) Jardim Adalberto Roxo “Dr. Antonio Carlos Pizzolitto”. O local atende os 5 mil habitantes dos bairros Jardim Adalberto Roxo I e II, além de parte do Selmi Dei. O vereador cumpre uma rotina de visitas às instituições públicas de atendimento à população, com a finalidade de fiscalizar as atividades, as instalações e levantar necessidades. Na ocasião, recebido por alguns servidores, o vereador pôde constatar problemas graves relacionados à estrutura e ao espaço no local. “A unidade foi construída para apenas uma equipe de atendimento e, atualmente, conta com duas”, relatou uma das servidoras. Por um lado é bom, por atender melhor a alta demanda da população da região, porém, por outro prejudica a qualidade do atendimento, devido à falta de espaço e à superlotação do ambiente. “Utilizamos a sala de Ginecologia para a enfermagem e um dos consultórios de Odontologia para guardar os materiais. Colocamos mesas nos corredores para fazer a triagem, mas não é um lugar adequado para isso”, explica outra funcionária, mostrando que as adequações foram as formas que encontraram de atender a população da melhor forma. Outro problema relatado são as constantes e inúmeras infiltrações em diversas paredes. “Inativamos o atendimento em uma das salas de odontologia por causa do cheiro de bolor e pelas paredes em más condições. Utilizamos o espaço para estocar alguns materiais atualmente”, relata a servidora. Ela completa afirmando que já pintaram as paredes algumas vezes, mas o problema sempre volta. “Um engenheiro deu um laudo que seria necessário trocar o reboco e refazer”, apontou. Ter mais um computador e ampliar a estrutura externa também estão entre as demandas. Rafael de Angeli ouviu a reivindicação necessitam de um quiosque para atividades, ao lado da unidade, e também uma sala de reuniões para atender e orientar as famílias da comunidade. “Queremos trazer a população para o ‘posto’, mas temos muita dificuldade de espaço”, conclui uma agente comunitária da USF. O vereador se comprometeu a cobrar soluções do Executivo. “É necessário que a Prefeitura e a Secretaria da Saúde deem atenção à USF do Adalberto Roxo. O prédio precisa de ampliação e vários ajustes. Os servidores estão desamparados. Mesmo realizando um ótimo atendimento e se esforçando ao máximo pela população, precisam de condições estruturais que favoreçam o serviço. Vamos levar os problemas ao Executivo e cobrar providências”, conclui.

   2020 © Rafael de Angeli. Todos os direitos reservados.

  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter