Notícia

Não há indisponibilidade de equipamentos para execução de serviços no Daae, segundo Prefeitura

Vereador Rafael de Angeli recebeu informações em resposta a requerimento.


O primeiro secretário da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Araraquara, vereador Rafael de Angeli (PSDB), encaminhou o Requerimento nº 400/2022 ao Executivo, solicitando informações sobre a falta de ferramentas e equipamentos de uso diário no Departamento Autônomo de Água e Esgotos (Daae).


Em resposta, a autarquia afirmou desconhecer a informação da indisponibilidade de tais itens para realização de serviços. "Nada justifica a falta de ferramentas e equipamentos, até mesmo porque, sem equipamentos e/ou ferramentas disponíveis, não há possibilidade alguma de execução dos serviços. Tal afirmação nos causa estranheza, pois não há registros de equipes paradas ou serviços inacabados".


Também foi explicado que o Daae possui estoque regulador em seu almoxarifado "que permite a gestão da manutenção das quantidades mínimas necessárias, de acordo com os consumos médios mensais destinados ao uso nos serviços prestados pela autarquia. Anualmente, é realizado processo licitatório, visando a aquisição de materiais e ferramentas para uso nos serviços e atividades fim da autarquia".


Além disso, de acordo com o documento, no dia 6 de maio, aconteceu a abertura do processo licitatório para aquisição de ferramentas.


Para o vereador, a resposta confronta com informações recebidas em seu gabinete.


"Estranheza é o Daae não ter conhecimento de falta de equipamentos e ferramentas enquanto elas faltam e prejudicam serviços e a segurança dos funcionários. Levantaremos mais informações sobre o caso, investigaremos mais e cobraremos as devidas soluções", explica e finaliza Angeli.


15/8/22