Notícia

Prefeitura responde sobre reforma do CER da Vila Xavier ao vereador Rafael de Angeli

Parlamentar cobrou sobre a obra da unidade que venceu o Orçamento Participativo em 2018.


Em resposta ao Requerimento n° 497/2020, de autoria do vereador Rafael de Angeli (PSDB), que pede informações sobre o projeto e obra para adequação no Centro de Educação e Recreação (CER) "Adelina Leite Amaral" - Vila Vicentina, localizado na Vila Xavier, a Prefeitura, por meio da Secretaria da Educação, encaminhou esclarecimentos à Câmara Municipal de Araraquara.


A cópia do projeto de reforma e ampliação do CER foi enviada com a descrição do valor estimado da obra (R$ 1.200.088,10), conforme extrato de contrato publicado nos Atos Oficiais do Município em 31 de março. De acordo com as informações prestadas pelo Executivo, a pintura do CER foi realizada por iniciativa da direção da unidade, juntamente com o Conselho de Escola. Havia sobra de tinta adquirida em anos anteriores, com recursos gerenciados pela própria escola, e para que o material não perdesse o prazo de validade, foi tomada a iniciativa para melhorar o aspecto físico do CER até a conclusão da reforma. A direção da escola investiu R$ 650 de recursos próprios em mão de obra para a realização da pintura e pequenos reparos. Além disso, houve investimentos de R$ 5.229 para a troca de areia.


Ao final do documento, a Secretaria da Educação ainda explica que o prazo para a execução da obra é de 300 dias a contar da Ordem de Serviço dada a BJL Construtora LTDA-EPP, em 16 de abril deste ano.


O requerimento


Em novembro de 2018, durante visitas de fiscalizações nas escolas e creches da rede municipal, o vereador pôde constatar que, devido à estrutura antiga, a unidade de educação precisava de reformas para melhor atender as 200 crianças de 0 a 5 anos.


No mesmo ano, o centro de ensino ganhou a reforma no Orçamento Participativo (OP), porém chegaram ao gabinete do parlamentar reclamações de pais que alegavam que foi feita somente a troca de areia e pintura da unidade. Nesse sentido, Angeli questionou o Executivo sobre as outras  adequações necessárias ao CER.


“Vamos aguardar o prazo de início das obras e fiscalizar para que tudo seja realizado da melhor maneira possível, com o objetivo de trazer melhorias no atendimento às nossas crianças”, pontua Angeli.

Leia também:



23/06/2020

   2020 © Rafael de Angeli. Todos os direitos reservados.

  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter